28 Novembro 2022
Notícias e Novidades

5 Grandes diferenças no mercado imobiliário em 2022

O mercado imobiliário em 2022 mantém-se dinâmico e em constante transformação. A realidade económica e as alterações das modalidades de trabalho têm gerado mudanças nas preferências dos compradores. Isso é claramente sentido pelas nossas equipas de consultores imobiliários.

 

1. Teletrabalho veio permitir mudanças nas regiões de procura

Uma das grandes mudanças verificadas no mercado imobiliário em 2022 tem como motivo a manutenção do regime de teletrabalho em muitas empresas.

De acordo com Guida Sousa, Diretora Coordenadora Nacional da rede DECISÕES E SOLUÇÕES, o pós-pandemia trouxe mais procura para regiões periféricas: “O teletrabalho permitiu que as famílias se mudassem para zonas até mais longe do que as periferias”.

Aliás, os preços mais elevados nos centros das cidades acabaram por levar os portugueses a encontrarem soluções em regiões mais interiores. Perto do campo, encontram mais espaço, maior tranquilidade e o contacto com a natureza tão valorizado.

Ao mesmo tempo, isto veio trazer um crescente desenvolvimento para muitas localidades que se encontravam estagnadas. O aumento do número de habitantes nestas localidades obrigou à criação de mais infraestruturas e serviços que este tipo de população mais citadina procura.

 

2. Zona exterior e escritório cada vez mais procurados

O teletrabalho veio ainda introduzir outra alteração no tipo de imóveis procurado pelos portugueses. Pelo facto de passarem cada vez mais tempo em casa, houve a necessidade de encontrar habitação com espaço para instalação de um escritório. Além disso, as zonas exteriores, como jardim ou varanda, são cada vez mais valorizados na hora de investir num imóvel.

 

3. T3 é a tipologia com maior procura no mercado imobiliário em 2022

O tipo de tipologia mais procurada também demonstra mudanças no mercado imobiliário em 2022. De acordo com dados da DECISÕES E SOLUÇÕES, no 1º trimestre deste ano, a tipologia de imóvel mais comprada pelos portugueses foi o T3.

O teletrabalho pode ter também um contributo nesta mudança, já que cada vez mais as famílias portuguesas procuram habitação com espaço para instalarem um escritório ou outras áreas mais funcionais. Dessa forma, podem criar uma zona confortável para trabalharem a partir de casa.

Os T2 e os T4 são as tipologias seguintes que revelam maior procura. Os apartamentos continuam a ser o tipo de imóvel mais procurado, com moradias e terrenos para construção nos lugares seguintes.

 

4. Top 5 de regiões mais cobiçadas no mercado imobiliário em 2022

O teletrabalho veio fazer com que as famílias portuguesas procurem novas regiões para morar. A confirmar esta alteração no mercado imobiliário em 2022 temos Setúbal, Braga e Santarém no top 5 dos distritos com maior volume de transações.

Até março de 2022, foi em Setúbal que se venderam o maior número de habitações, com 31% do total nacional. Em termos de tipologia, os apartamentos foram os mais procurados, com os T2 a registarem mais vendas. De referir que, neste distrito, o preço médio por T2 foi de 110.920€ e 156.750€ por T3.

Em segundo lugar no número de vendas, com 18% do total, ficou o distrito de Braga. Os apartamentos foram novamente o tipo de imóvel mais procurado, com a tipologia T3 a ser a preferencial. O preço médio variou entre 132.000€ por T2 e 218.550€ por T3.

No Porto a procura de moradias foi superior, com a tipologia T3 no topo das preferências. As vendas neste distrito representaram 9% do total nacional, colocando-o no terceiro lugar. O preço médio cifrou-se entre os 170.330€ por T2 e os 175.000€ por T3.

O distrito de Lisboa, com 7% do total de casas vendidas a nível nacional, teve como tipo de imóveis mais vendido os apartamentos, com a tipologia T2 no topo das vendas. Já o preço médio fixou-se nos 170.330€ por T2 e 180.365€ por T3.

Santarém fecha o top 5 com 6% das vendas de imóveis, com destaque para a elevada procura de T4 na região, com um custo médio de 219.750€.

 

5. Perfil do comprador de imóveis em 2022

Também é importante conhecer quem são os compradores mais ativos no mercado imobiliário em 2022. Nesse sentido, os homens representam 62% das transações, face aos 38% das mulheres. A faixa etária preferencial para compra de imóveis situa-se entre os 30 e os 40 anos.

Por fim quanto às nacionalidades, a grande maioria dos compradores é portuguesa (91%). Cidadãos do Reino Unido (3%) e de França (2%) seguem-se na lista. Alemães, italianos, belgas, finlandeses, brasileiros, chineses, americanos e canadianos, estão incluídos nos restantes 4%.

 

Mantenha-se a par de todas as mudanças no mercado imobiliário

Na DECISÕES E SOLUÇÕES oferecemos aos nossos clientes soluções 360° ao nível da compra, venda e arrendamento de imóveis. Além disso, é importante mantermos os nossos clientes informados sobre as constantes mudanças do mercado imobiliário.

Para que possa acompanhar as principais tendências e oportunidades de negócio, convidamo-lo a subscrever o nosso blog.

 

VISITAR O BLOG

 

DECISÕES E SOLUÇÕES – MEDIAÇÃO IMOBILIÁRIA, LDA, licença AMI n.º 9300 | DECISÕES E SOLUÇÕES – INTERMEDIÁRIOS DE CRÉDITO, LDA, Intermediário de Crédito Vinculado, com o registo n.º 0000926, autorizado pelo Banco de Portugal para a prestação de serviços de consultoria e autorizado para a prestação de serviços de intermediação de crédito (Apresentação ou proposta de contratos de crédito a consumidores; Assistência a consumidores, mediante a realização de atos preparatórios ou de outros trabalhos de gestão pré-contratual relativamente a contratos de crédito que não tenham sido por si apresentados ou propostos). Contratos de crédito abrangidos: Crédito à Habitação e Crédito aos Consumidores. Mutuantes ou grupos de mutuantes com quem mantém contrato de vinculação: BANCO SANTANDER TOTTA, S.A., BANCO BPI S.A., NOVO BANCO, S.A., BANKINTER, S.A. – SUCURSAL EM PORTUGAL, UNICRE – INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, S.A., MONTEPIO CRÉDITO – INSTITUIÇÃO FINANCEIRA DE CRÉDITO, S.A., BNP PARIBAS PERSONAL FINANCE, S.A. – SUCURSAL EM PORTUGAL, informação verificável em https://www.bportugal.pt/intermediariocreditofar/decisoes-e-solucoes-intermediarios-de-credito-lda. | A DECISÕES E SOLUÇÕES – INTERMEDIÁRIOS DE CRÉDITO, LDA está inscrita na Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões, com a categoria de Agente de Seguros, sob o n.º 409311648/3, com autorização para Ramos Vida e Não Vida, verificável em https://www.asf.com.pt. O mediador de seguros não assume a cobertura de riscos, não tem poderes para celebrar contratos em nome das seguradoras e não está autorizado a receber prémios para serem entregues às seguradoras.

O nosso website usa cookies para ajudar a melhorar a sua experiência de utilização. Ao utilizar o website, confirma que aceita a sua utilização. Esperamos que esteja de acordo. Termos & Condições | Política de Cookies.